Fandom

Ars curandi Wiki

Luís Simões Raposo

213 páginas
nesta wiki
Adicione uma página
Falar0 Compartilhar

Simões Raposo nasceu em Lisboa no ano de 1898 no dia 15 de Abril e morreu na mesma cidade no dia 10 de Maio de 1934. Desempenhou a profissão de médico mas destacou-se sobretudo pela sua função na Junta Orientadora dos Estudos.


Vida e Obra

Era filho de Simões Raposo e D. Luísa Robertes.

Estudou no Liceu Pedro Nunes, no qual se distinguiu devido, principalmente, à sua participação no jornal Os Novos.

Foi assistente no Laboratório de Histologia entre 1919 e 1925, dirigido pelo professor Celestino Costa. Ao mesmo tempo tirava o curso de Medicina na Faculdade de Medicina de Lisboa, o qual terminou em 1923. Neste mesmo ano, o ministro da Instrumentação, António Sérgio, convidou-o para ocupar o cargo de chefe de gabinete, aproveitando deste modo as suas qualidades na Junta Orientadora dos Estudos. Não obteve sucesso, tal como aconteceu com a tentativa de criar um organismo particular deste género.

Em 1925 começou a dar aulas, sendo considerado um dos melhores professores da sua geração.

Em 1929 foi nomeado para 1º secretário da Junta de Educação Nacional, que tinha sido criada nesse mesmo ano pelo ministro Cordeiro Ramos. Posteriormente foi nomeado secretário-geral, tornando-se a grande personagem desta instituição.

Luís Simões Raposo investigava o problema da regeneração do sistema nervoso no pleurodelo adulto. Ao mesmo tempo, no Laboratório de Histologia, estudava-se o mecanismo de regeneração na medula espinal e dos gânglios da cauda dos urodelos, os quais foram terminados no Instituto Cajal de Madrid. Estes estudos tiveram um grande impacto nos centros histológicos e embriológicos estrangeiros, nos quais as conclusões confirmadas foram aceites. Com estes trabalhos, Simões Raposo, debruçou-se sobre o estudo da gastrulação do pleurodelo e das condições da formação do eixo neural e suas relações com a linha primitiva nos mamíferos e posteriormente nos anfíbios.

Começaram-se a estudar dois novos temas, um sobre a cultura de tecidos no Instituto Rocha Cabral, e outro sobre o mecanismo da imunidade anti-cancerosa e os enxertos de neoplasma no Instituto de Oncologia.

Luís Simões era conhecido por possuir um óptimo espírito didáctico, levando-o a escrever vários trabalhos.

A nível educativo, tal como já referimos, Luís Simões foi chefe do gabinete de António Sérgio, conseguindo dinamizar a Junta ate à sua morte. Após 1929, altura em que a criação da Junta foi definitiva, Luís Simões exerceu um grande papel ao nível da quantidade de bolseiros portugueses enviados para o estrangeiro, debatendo-se bastante com o aumento das verbas para os mesmos.

Em 1944, Celestino da Costa dirige algumas palavras de homenagem a Luís Simões, relativas à sua óptima prestação na Junta.


Bibliografia

NOVOA, António, Dicionário de Educadores Portugueses, Porto 2003, Edições ASA

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no Fandom

Wiki aleatória