FANDOM


Abbe, Ernst (N. Eisenach, Alemanha, 23 de Janeiro de 1840; ob. Jena, Alemanha, 14 de Janeiro de 1905). Desenvolveu importantes teorias relacionadas com a produção de microscópios.

Ernst Abbe.jpg


Vida

Estudou medicina em Jena e Gottingen, onde fez também o seu douturamento em 1857 e recebeu influências de matemáticos e médicos, como Reiman e Wilhelm Webber respectivamente. Mais tarde em 1863, trabalhou como professor de matemática, medicina e astronomia na Universidade de Jena.

Em 1866 é convidado por Carl Zeiss para trabalhar com este na sua loja em Jena, iniciou-se entao uma colaboração cientifica e técnica, Abbe ficou responsável por resolver os problemas relacionados com a produção de objectivas.

Em 1871 casou com Elise Snell, filha de Karl Snell um homem bastante importante no departamento de medicina da Universidade de Jena.

Abbe viveu sempre com algumas dificuldades económicas que foram resolvidas quando Zeiss lhe ofereceu sociedade em 1876, mantendo o seu cargo de professor na Universidade de Jena. Nos anos seguintes a empresa desenvolveu muito e adquiriu grande importância a nível internacional.

Depois da morte de Carl Zeiss em 1888, criou a Fundação Carl Zeiss para a qual deixou a sua fortuna em testamento, o objectivo desta fundação era proteger os empregados da empresa Zeiss e Schott a nível social e económico, este feito foi muito importante para a história económica e social da Alemanha, pois permitiu uma socializaçao voluntária da industria como referiu o economista Alfred Webber.


Obra

As teorias desenvolvidas serviram como base para muitas outras teorias importantes ao longo da história, é o caso de Frits Zernike que se baseou nas teorias desenvolvidas por Abbe para criar o processo do contraste de fase. Também Hans Bush se baseou nessas torias para desenvolver os microscópios electrónicos.

As suas descobertas mais importantes foram a radiação optica, a optica ondulatória, o diafragma de íris e as objectivas de immersão homogénea. A colaboração com Otto Schott em 1886 permite a invenção e fabricação de vidros de Iena que possibilitaram a fabricação de objectivas apocromáticas.


Principais Publicações

Beiträge zur Theorie des Mikroskops und der mikroskopischen Wahrnehmung


Bibliografia

Gillispie, C. (1970). Dictionary of Scientific Biography. Charles Scribner's sons, New York. Vol.1

Costa, Augusto Celestino da, Congresso do Mundo Português, Lisboa, 1940.vol. 12, p. 493-529

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no FANDOM

Wiki aleatória